Buscar
  • NeoWater

Hospitais sustentáveis: como implementar práticas de sustentabilidade ambiental em hospitais

Como grandes consumidores de água e energia, além de todas as dificuldades comuns a prestadores de serviços na área da saúde, os hospitais têm o desafio de fomentar ações sustentáveis também. Saiba o que é sustentabilidade hospitalar e como tornar o seu hospital mais sustentável


Infográfico sobre sustentabilidade hospitalar com lixo, energia renovável e água sustentável

Hospitais são estabelecimentos com rotinas e demandas intensas. Com funcionamento 24 horas por dia, 365 dias ao ano, possuem alto consumo de água e energia e contam com atividades de grande potencial para a geração de resíduos.


É por esse motivo que ações voltadas à sustentabilidade hospitalar têm se tornado mais comuns e presentes em hospitais de todo o mundo, incluindo o Brasil.


Sustentabilidade hospitalar é a implementação de uma cultura voltada ao desenvolvimento sustentável, sobretudo a sustentabilidade ambiental, dentro dos hospitais.


Entre as práticas de sustentabilidade mais constantes em hospitais, podemos citar o uso de fontes de captação de água alternativa, o reuso, a implementação de energia renovável e o gerenciamento e tratamento de efluentes (esgoto) e outros resíduos.



É importante que os chamados “hospitais verdes” priorizem projetos arquitetônicos e ações com o menor impacto possível e tenham uma boa gestão ambiental focada especialmente em eficiência hídrica e energética.


Saiba quais são as principais práticas de sustentabilidade em hospitais, e como implementá-las para tornar o seu hospital sustentável:


Sustentabilidade em hospitais: qual é o caminho?


Diversas ações podem ser tomadas em direção a práticas sustentáveis dentro de hospitais, como:


  • Liderança que priorize gestão ambiental;

  • Eficiência hídrica, com captação de água de fontes alternativas e reuso, redução do consumo e do desperdício e fornecimento de água potável;

  • Eficiência energética, com geração de energia limpa e renovável e redução do consumo e do desperdício;

  • Gestão de resíduos, com redução de geração de resíduos e tratamento de efluentes líquidos e resíduos;

  • Gestão de materiais, com redução no gasto com materiais e relacionamento com fornecedores que ofereçam materiais mais seguros e sustentáveis.


Liderança, gestão ambiental e conscientização


A falta de conscientização por parte de gestores, investidores e colaboradores pode ser um grande entrave na aplicação de práticas sustentáveis e tecnologias ambientais. É importante que os gestores e funcionários do hospital se atentem a questões socioambientais, uma vez que isso não é só bom para a sociedade, mas também implica em diminuição de custos e processos mais eficientes.


Até pequenas mudanças na rotina hospitalar podem levar a quedas significativas, por exemplo, no consumo de materiais e na geração de resíduos.


Eficiência hídrica e energética


A forma como o prédio é construído e alimentado com água e energia tem um papel preponderante na minimização do impacto ambiental de uma unidade hospitalar.


Hospitais que possuem certificações de edifícios “verdes” como a LEED e a AQUA, certamente já estão à frente no quesito sustentabilidade. Isso porque esses selos ambientais focam em excelente gestão da água e energia, com o mínimo de desperdício, redução do consumo e captação de fontes sustentáveis e renováveis.


É importante investir também em ferramentas de controle e monitoramento do consumo, para otimizar o abastecimento.


Gestão de resíduos


Muitas ações diferentes podem ser tomadas para melhorar a gestão dos resíduos, como reciclagem ou reaproveitamento de materiais residuais com valor econômico, tratamento dos efluentes in site e destinação adequada de rejeitos hospitalares não recicláveis.


Em especial, ter uma estação de tratamento de efluentes própria evita o despejo de esgoto não tratado na rede e possibilita o reuso de águas cinzas. Essa água, juntamente com captação e armazenamento de água da chuva, pode ser reaproveitada para diversos fins não potáveis, como lavagem do chão, irrigação e paisagismo e sistema de resfriamento.


Por fim, deve-se priorizar a aquisição de equipamentos e materiais que possam ser reciclados, que gastem menos energia e/ou que possam ser reutilizados.


Como implementar práticas sustentáveis em hospitais?


Se o objetivo é sustentabilidade em hospitais, nada como começar como uma gestão hídrica e energética eficiente, sem dor de cabeça ou necessidade de investimento.


Uma das melhores opções para uma gestão eficiente da água é a modalidade WAAS, ou “water as a service”. Trata-se de um projeto personalizado que estuda, implementa e opera as soluções que levam às práticas sustentáveis mais adequadas para o seu estabelecimento (esse modelo de negócios é conhecido como BOT - saiba mais aqui).


O projeto inclui um balanço hídrico, que determina a rotina de consumo de água e gerencia a redução desse consumo e do desperdício, bem como a implementação de uma gama de soluções, de captação de água subterrânea para abastecimento autossuficiente de água até reaproveitamento de água da chuva, estação de tratamento de água com adequação para otimizar o processo, estação de tratamento de efluentes com reuso de águas cinzas e monitoramento online e constante do consumo de água, o que torna a identificação de qualquer problema, como vazamentos, imediata.


Ou seja, através de um projeto exclusivo, todas as etapas, da captação ao tratamento, distribuição e reuso da água, são gerenciadas da melhor forma possível, e operadas por profissionais capacitados, sem dor de cabeça aos gestores do hospital.


Já entre as principais estratégias de eficiência energética, além da aquisição de equipamentos de baixo consumo elétrico, é importante a implementação e utilização de energia renovável, como energia solar fotovoltaica.


Hoje em dia, além de todas as dificuldades comuns a prestadores de serviços na área da saúde, os hospitais têm o desafio de fomentar ações sustentáveis também. Vale a pena, no entanto, e não só pelo bem que elas fazem ao meio ambiente e à sociedade - os resultados alcançados melhoram o desempenho hospitalar, agregam valor ao negócio e levam a grandes economias financeiras.


Quer saber mais sobre as nossas soluções de gestão e eficiência hídrica e energética para hospitais sustentáveis? Entre em contato conosco! Nossa equipe de especialistas está pronta para te ajudar.


WhatsApp